[principal] [primeiros passos] [planeta azul] [trabalho] [vestir o que?] [alimentando-nos] [meio-ambiente] [exercitando-nos] [textos] [administrando as contas] [mais compromisso] [mais saúde] [mais beleza] [mais livres] [voluntarios] [cidadãos do planeta Terra] [links] [livros] [entre em contato]

 

"O Segredo da Simplicidade"

(por Napoleão Xavier)

Ser simplesmente comum é um milagre. Não ansiar por ser alguém é um milagre. Deixe a natureza tomar seu curso, permita-o.


Uma vez aconteceu que Bankei, um Mestre Zen, estava trabalhando em seu jardim. Um buscador chegou e lhe perguntou:


"Jardineiro, onde está o Mestre?"


Bankei riu e disse: "Por aquela porta, lá dentro, você o encontrará."


Assim o homem rodeou a casa, entrou e viu Bankei sentado numa poltrona, o mesmo jardineiro de fora. O buscador disse:

"Você está brincando?

Saia desta poltrona, isso é sacrilégio! Você não está respeitando o Mestre!"

Bankei levantou-se, sentou-se no chão e disse:

"Agora você não vai encontrar o Mestre na poltrona, pois eu sou ele."

Era difícil para o homem perceber que um grande mestre pudesse ser um simples jardineiro. Ele foi embora e perdeu a oportunidade.

Um dia Bankei falava calmamente a seus seguidores, quando sua palestra foi interrompida por um sacerdote de outra escola. Essa escola acreditava no poder dos milagres.

O sacerdote se gabava que o fundador de sua religião era capaz de ficar na margem de um rio e, com um pincel na mão, podia escrever um nome sagrado num pedaço de papel que um assistente segurava na margem oposta. Então ele perguntou: "Que milagre você pode fazer?"

Bankei respondeu: "Apenas um. Quando tenho fome, como. Quando tenho sede, bebo." Bankei na verdade está dizendo: "Fluo com a natureza. Qualquer coisa que todo meu ser sinta, eu faço. Não existe uma mente fragmentada manipulando."

O único milagre, o milagre impossível, é o de simplesmente ser comum. O desejo da mente é o de ser extraordinário. O ego está sedento por reconhecimento. O milagre é quando você aceita ser ninguém, quando pode ser tão comum como qualquer outra pessoa, quando não pede por reconhecimento, quando existe como se não estivesse existindo.

O poder, seja qual for, não é um estado espiritual.

Aqueles que fazem coisas extraordinárias e miraculosas não são espirituais de maneira alguma. Eles estão apenas difundindo magia em nome da religião."

 

[principal] [primeiros passos] [planeta azul] [trabalho] [vestir o que?] [alimentando-nos] [meio-ambiente] [exercitando-nos] [textos] [administrando as contas] [mais compromisso] [mais saúde] [mais beleza] [mais livres] [voluntarios] [cidadãos do planeta Terra] [links] [livros] [entre em contato]