Salmo 48 (49)

Dificilmente um rico entrará no Reino dos Céus (Mt 19,23)

Ant. Não podeis servir a Deus e ao dinheiro!

"Ouvi isto, povo todos do universo, muita atenção, ó habitantes deste mundo; poderosos e humildes, escutai-me, ricos e pobres, todos juntos, sede atentos!

Minha boca vai dizer palavras sábias, que meditei no coração profundamente; e inclinando meus ouvidos às parábolas, decifrarei ao som da harpa o meu enigma:

Por que temer os dias maus e infelizes, quando a malícia dos perversos me circunda? Por que temer os que confiam nas riquezas e se gloriam na abundância de seus bens?

Ninguém se livra de sua morte por dinheiro nem a Deus pode pagar o seu resgate. A isenção da própria morte não tem preço; não há riqueza que a possa adquirir, nem dar ao homem uma vida sem limites e garantir-lhe uma existência imortal.

Morrem os sábios e os ricos igualmente; morrem os loucos e também os insensatos, e deixam tudo o que possuem aos estranhos; os seus sepulcros serão sempre as suas casas, suas moradas através das gerações, mesmo se deram o seu nome a muitas terras.

Não dura muito o homem rico e poderoso; é semelhante ao gado gordo que se abate.

Ant. Ajuntai vosso tesouro no céu, diz o Senhor!

Este é o fim do que espera estultamente, o fim daqueles que se alegram com sua sorte; são um rebanho recolhido ao cemitério, e a própria morte é o pastor que os apascenta; são empurrados e deslizam para o abismo.

Logo seu corpo e seu semblante se desfazem, e entre os mortos fixarão sua morada. Deus, porém, me salvará das mãos da morte e junto a si me tomará em suas mãos.

Não te inquietes, quando um homem fica rico e aumenta a opulência de sua casa; pois ao morrer não levará nada consigo, nem seu prestígio poderá acompanhá-lo.

Felicitava-se a si mesmo enquanto vivo: "Todos te aplaudem, tudo bem, isto que é vida!" Mas vai-se ele para junto de seus pais, que nunca mais e nunca mais verão a luz!

Não dura muito o homem rico e poderoso: é semelhante ao gado gordo que se abate."

Convido o(a) prezado(a) internauta a ler vagarosamente este salmo, refletindo em suas palavras que contém uma sabedoria bem diversa da que o mundo atual prega. Hoje o que tem valor é ficar rico, ser famoso(a), ser belo(a), pelo maior tempo possível, viver muito bem, gozar a vida, aproveitar tudo que ela pode nos oferecer, nem que para isto se tenha que ser extremamente egoísta, desonesto, consumir ou traficar drogas, prostituir-se e a outrem, destruir, roubar e até matar outros seres humanos, destruir também a natureza, desrespeitar o próximo em sua dignidade, passar por cima de tudo e de todos para vencer, e rápido.

Mas.... e depois? Qual será o sabor de uma vitória conseguida a tal preço? Não vale mais TER menos, mas SER MAIS???

(Haja vista a audiência das famosas "casas dos artistas", das nossas modelos, 'astros e estrelas' da tv, cinema, dos nosso políticos, das nossas bailarinas dos 'chans,' dos nossos jogadores de futebol, etc....) E de quebra a péssima qualidade, a baixaria mesmo dos nossos programas de tv! O que estamos ensinando às nossas crianças, quais valores elas estão adquirindo? Precisamos ter uma CONSCIÊNCIA CRÍTICA E NÃO ENGOLIR TUDO O QUE NOS OFERECEM, SEJA NA TV, NA IMPRENSA, ETC. Existem inúmeros outros interesses por trás disso além da má vontade do governo em EDUCAR o nosso povo, em oferecer-lhe ARTE VERDADEIRA, ao invés de LIXO CULTURAL. Ao governo não interessa cidadãos com capacidade de discernir entre o Bem/Bom e o Mal/Mau. A ele interessa massas facilmente manipuláveis, dóceis, de maneira que ele possa fazer o que der e vier sem muita contestação.

Colocar a nossa confiança em bens terrenos, riquezas, sistemas de segurança, alarme, vigias.... dinheiro na poupança, "gordos" cartões de crédito, comprar dólares, imóveis, sei lá o que mais para garantir os "dias maus", das "vacas magras". Isso "garante" alguém, algo?

Nossa felicidade não vem de apegos a bens ou até a outros seres humanos, não vem de emoções desordenadas, não vem de nada exterior a nós.

"O REINO DE DEUS ESTÁ DENTRO DE VÓS", diz-nos Jesus.

Portanto, é uma questão de você se habituar a procurar a FELICIDADE onde ela se encontra: Dentro de você! Deus está lá, te esperando.

Encontrando-O, você encontrará a PAZ, a coragem, a Alegria, a Felicidade.

Você se reconhecerá fraco, limitado, pecador, incapaz de por si só fazer o bem, mas encontrará nesse Deus Pai/Mãe de ternura e compaixão a possibilidade de "alargar o espaço na sua tenda". De reconhecendo-se assim, descobrir que todos os outros seres humanos também são assim. Nem melhores nem piores do que você, mas HUMANOS. E assim, vivendo na Comunhão dessa Presença Amorosa de Deus em você, você também a descobrirá nos outros, e será capaz de perdoá-los, amá-los, aceitá-los como eles são. Como Deus ama e aceita você. E esse é o primeiro passo para a transformação do coração. Seu e dos outros. Amor, ternura, compaixão, misericórdia. Isso é o que faz feliz, isso é que nos Salva. Salvação na Bíblia, não é só para a alma, o espírito, mas para a PESSOA TODA.

Isso é o que Deus faz em nós, se o permitirmos. Por que hesitar?

Boa jornada ao seu interior!

Retorne ao seu centro, onde o Deus da Paz e do Amor espera por você! Só Ele é capaz de matar a sua Sede de Amor!

Reflita bem e tire suas próprias conclusões.